Neste final de semana completamos 90 dias em casa, cumprindo com o isolamento social. Saímos para ir ao mercado, para caminhar, eventualmente – de máscara, cuidando para não encostar em nada, passando álcool nas mãos a cada contato, ou lavando-as com água e sabão… aquela coisa toda.  Mas passear, viajar, relaxar, conhecer… não sabemos quando voltará a acontecer. Atire a primeira pedra quem não sente saudades de ir ao cinema, a um barzinho, com os amigos, dar boas risadas, ou mesmo visitar um museu, ir a uma exposição.

Os filmes já nos acostumamos a assistir pelas plataformas de streaming (Netflix, Locke, Globo Play). Algumas pessoas hoje até preferem vê-los no conforto do seu lar do que ir até o cinema. Mas você sabia que pode conhecer muitos museus através da internet? E não só ver as fotos dos quadros, mas fazer uma visita guiada, com áudio-descrição, ou fazer uma viagem pela linha do tempo no assunto a que o museu se refere. Tem muitas formas diferentes de interação e conhecimento.

Selecionamos alguns museus brasileiros e outros estrangeiros para você fazer uma viagem cultural, mas em casa, tomando todos os cuidados necessários que já estamos cansados de ouvir quais são. Para quem gosta deste tipo de visita, ainda há muito mais passeios como este disponíveis, basta explorarmos as ferramentas que a internet nos possibilita. Boa viagem!

 

BRASIL

Museu é um espaço cultural de memória. E neste sentido, uma experiência interessante é percorrer o Museu Nacional do Rio de Janeiro. Em 2 de setembro de 2018 ele completou 100 anos. Só que três meses depois, ele foi acometido de um incêndio de grandes proporções que consumiu boa parte do seu acervo. Mais de 20 milhões de itens. Mas, em 2016 foi realizado um trabalho grande de registro, através de fotos, do seu acervo. Desta forma, aqueles que desejam conhece-lo assim pode fazê-lo através de uma visita guiada, com a ajuda de uma áudio-descrição de parte da memória que foi conservada.

 

Outra experiência bastante interessante é conhecer o Museu Pinacoteca do Estado de São Paulo, onde também é possível se fazer uma visita virtual ao prédio construído em 1900, situado no Jardim da Luz, na capital paulistana. Tem-se acesso a imagens panorâmicas, entrando nas salas onde se pode ver o seu acervo, como se estivesse lá. E se isso já é reconfortante, ainda foi organizada uma seleção de vídeos e filmes do próprio acervo que podem ser conferidas também de forma online.

 

 

Ainda no eixo Rio-São Paulo, o Museu de Arte de São Paulo (MASP) colocou à disposição, para visitação online, mais de mil itens das mostras “Arte na moda: Coleção MASP Rhodia”, “Arte da Itália: de Rafael a Ticiano”, “Arte do Brasil até 1900”, “Arte da França: de Delacroix a Cézanne”, “Acervo em transformação”, “Histórias da Loucura: Desenho do Juquery”. Além disso, também se pode conhecer o seu interior. O Museu Nacional de Belas Artes, no Rio de Janeiro (RJ), tem um acervo de setenta mil itens, entre pinturas, desenhos, gravuras, esculturas, objetos, documentos e livros. Você pode fazer uma visita virtual ao prédio ou então conhecer exposições.

 

 

 

Com o apoio da Fundação Vale, Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). União para as Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e a Fundação de Cultura, Lazer e Turismo de Congonhas (MG), o portal Era Virtual oferece visitação a Museus, Exposições temporárias e acervos do Patrimônio Cultural. Dentro dos Museus estão

 

 

 

FORA DO BRASIL

       

 

 Em um tour pelo Museu do Vaticano pode-se conhecer a Capela Niccolina, a Sala dos “Chiaroscuri” entre os passeios virtuais a 360 ​​graus, com imagens de alta resolução, bem como a possibilidade de dar zoom nos detalhes. Além destes espaços, pode-se conhecer as Salas de Rafael, a  Capela Sistina, o Museu  Chiaramonti o Pio Clementino e o Braço Novo. É indescritível a experiência de entrar no The Dali Theatre Museum (capa) e conhecê-lo, penetrando em suas salas e percorrendo o seu acervo. Assim como o British Museum, em Londres. Ainda se pode conhecer o acervo do Museo frida Kahlo, no México, o Palácio de Versalhes, na França, conhecer o Taj Mahal, na Índia, ou o Coliseu, em Roma. Não há limites para quem tem desejo de explorar as culturas. E, para isso, o Google Arts & Culture nos ajuda a viajar sem sair de casa enquanto precisarmos cuidar da nossa saúde e das pessoas que amamos.

 

 

Deixe seu comentário pelo Facebook