Mover-se. Verbo com muitos significados – pôr em movimento, deslocar-se de um lugar ao outro, oscilar, girar, decorrer, começar a agir, levar a algum lugar ou alguma coisa, até mesmo mover uma ação judicial. Estes sinônimos encontramos em qualquer consulta a dicionários. Mas o que nos interessa aqui é o sentido desse deslocamento. Sair do lugar, ir em busca de.

Quando escolhemos uma profissão, nosso objetivo é fazer algum movimento que nos leve ao futuro. Então, escolhemos um curso superior que nos possa proporcionar isso. E, olha que legal, ao entrar na universidade, ainda poderei ampliar esse movimento para outro país, para outra cultura, para outros conhecimentos, para novas experiências. Isso tudo é realmente empolgante. E possível.

Para quem tem curiosidade de conhecer esta modalidade de ensino, a Coordenadoria Geral de Relações Internacionais da Unoesc realizará um evento chamado International Week, entre os dias 31 de maio a 02 de junho, sempre às 18h. Será uma hora de atividade por dia, em que sete universidades estrangeiras da América Latina apresentarão as oportunidades internacionais oferecidas aos alunos da Unoesc. A Coordenadora Geral das Relações Internacionais, Kaline Zeni, incentiva os acadêmicos a conhecerem estes programas:

Será uma ótima oportunidade para os alunos conhecerem nossos parceiros estrangeiros, perceberem o diferencial UNOESC com as possibilidades internacionais que estão à sua disposição. Além disso, os participantes receberão certificado por estas horas de atividades.

 

e-Movies

 

A Organização Universitária Interamericana (OUI), rede internacional a qual a Unoesc coopera, desenvolveu o programa e-Movies (Espaço de Mobilidade Virtual de Instituições de Ensino Superior), em que cada uma das instituições membros coloca à disposição um portfólio de disciplinas, cursos ou programas para serem cursados por seus alunos de forma remota.

O objetivo desse programa é dar a oportunidade ao aluno de realizar mobilidade acadêmica internacional sem sair de casa e de forma gratuita. A participação proporciona uma experiência intercultural acadêmica em universidades estrangeiras renomadas, o contato e aprendizagem de um novo idioma e possibilidade de registrar no histórico acadêmico a atividade internacional. Além disso, o aluno tem como vantagem a validação e aproveitamento dos créditos estudantis realizados, desde que esteja de acordo com o Plano Pedagógico do Curso (PPC).

As inscrições para o programa e-Movies estarão abertas entre os dias 31 de maio e 14 de junho e serão homologadas no dia 16 de junho, quando se iniciará a candidatura no exterior.

Para se inscrever, o acadêmico deve estar matriculado a partir do segundo semestre de um curso de Graduação ou em uma Pós-graduação (Lato Sensu), nas modalidades presencial, semipresencial ou a distância. Além disso, o postulante ao programa não pode ter reprovado na matéria de interesse e ter o rendimento acadêmico igual ou superior a 7,0 na média integralizada, bem como estar adimplente com a instituição. Os formandos de 2021/02 poderão aproveitar as disciplinas cursadas somente como horas complementares.

O estudante deverá apresentar integralizada, cópia de RG e um Plano de Atividade, onde constem as disciplinas de interesse na universidade estrangeira e as correspondentes na Unoesc, necessitante ser validado pela Coordenação do curso ou programa em que está vinculado. Para solicitar o aproveitamento da disciplina realizada em outro país é essencial apresentar o certificado de notas com a aprovação do componente curricular.

 Neste primeiro semestre de 2021, quinze alunos estão participando da mobilidade acadêmica virtual pelo programa e-Movies em instituições da Colômbia, México, Argentina, Paraná e Peru envolvendo em âmbito institucional alunos dos cursos de Letras, Direito, Engenharia Química, Psicologia, Engenharia de Produção, Arquitetura e Urbanismo e Ciências da Computação.

Além deles, o doutorando em Administração, Dulcimar José Julkovski, está frequentando aulas na Universidade do Porto em Portugal, onde permanecerá até julho deste ano para finalizar sua pesquisa. Ele foi selecionado ainda em 2019, pelo Programa Ibero-Americanas recebendo do Santander uma bolsa de mobilidade acadêmica, em nível de Pós-graduação.

 

Café Cultural

 

O café é momento, une as pessoas e cria relacionamentos. É universal, é aconchego. Mas o melhor café é aquele que a gente compartilha com conversas entre amigos. Por isso que a Universidade de Ciências Aplicadas da Colômbia (UDCA), que fica na capital do país, Bogotá, convidou a Unoesc e a Universidade Internacional do Equador, para um Café Cultural, uma atividade internacional e virtual.

Quer se juntar a essa mesa de café? Se inscreve no link e esteja conosco no dia 19 de maio (quarta-feira), às 18 horas para um bate-papo sobre a cultura da Colômbia, Brasil e Equador. Neste evento, Leandro da Fonseca, aluno do curso de Ciências Contábeis da Unoesc Chapecó e Maria Eduarda de Almeida, do curso de Psicologia da Unoesc Xanxerê apresentarão os aspectos culturais do nosso país e região. O Café terá a duração de uma hora e oferecerá certificado.

 

Relações Internacionais

 

A Coordenação Geral de Relações Internacionais da Unoesc iniciou, em abril, um projeto de capacitação para Coordenadores de Curso, docentes e dirigentes acadêmicos, mostrando como funciona a internacionalização, destacando esta possibilidade como ferramenta de ensino, pesquisa, extensão e formação acadêmica. Durante o mês de maio, a atividade foi realizada por Campus central, onde se apresentou e sensibilizou-se sobre o plano de internacionalização local. Para julho, está programado workshop e aulas inaugurais nos cursos de Pós-graduação do Ensino a Distância.

 

Programa de Estudantes-Convênio de Graduação (PEC-G)

 

O Programa de Estudantes-Convênio de Graduação (PEC-G) oferece a estudantes de países em desenvolvimento, com os quais o Brasil mantém acordo educacional, cultural ou científico-tecnológico, a oportunidade de realizar seus estudos de Graduação em Instituições de Ensino Superior (IES) brasileiras. O PEC-G é administrado pelo Ministério das Relações Exteriores (MRE), por meio da Divisão de Temas Educacionais, e pelo Ministério da Educação (MEC), em parceria com IES em todo o país. Atualmente, a Unoesc tem dois alunos pelo programa PEC-G, ambos estudando odontologia em Joaçaba desde 2019: Bruno Velarde Foianini, da Bolívia e Joel Hamuli Basirwa, da República do Congo.

 

 Alunos estrangeiros em mobilidade acadêmica na Unoesc

 

Encontram-se na Unoesc, desenvolvendo atividade acadêmica, dois estudantes vindos da Colômbia, uma do Paraguai e outra da Argentina. O Mestrado em Administração, da Unoesc Chapecó, está acolhendo José Fernando Gracia Forero, da Universidade de Ciências Aplicadas da Colômbia (UDCA), na modalidade presencial, desde janeiro de 2020, onde permanecerá até dezembro de 2021. Jéssica Hortencia Morinigo Cañiza, da Universidad Nacional de Asunción Paraguai, está fazendo Mestrado em Sanidade e Produção Animal. Por enquanto, a experiência está acontecendo de forma virtual, mas assim que for possível, cursará de forma presencial, já que o curso começou em abril de 2021 e vai até abril de 2023. A Pós-graduação em Educação recebeu, em mobilidade acadêmica virtual, o acadêmico José Emilio Diaz Ballen, proveniente do Pós-DOC da Universidad Pedagogica Nacional, Colômbia. Ele cursou a disciplina eletiva História da Educação Popular a partir de Cartas Pedagógicas. Carolina Erriquenz, da Universidad Mar del Plata, na Argentina, fará duas disciplinas de Arquitetura de interiores durante o segundo semestre, pelo programa e-Movies.