A saúde é um dos assuntos mais discutidos atualmente e uma vida saudável passa por boas práticas como atividade física regular, dispensar alguns momentos do dia para o lazer, boa conversa e uma alimentação regrada, visto que muitos estudos apontam que a saúde começa pela boca.

Nesse contexto, um profissional que ganha cada vez mais espaço é o nutricionista podendo atuar em três principais áreas:  clínica, social e na produção de alimentos. Através do seu conhecimento, o nutricionista ajuda a manter as práticas alimentares saudáveis melhorando a qualidade de vida. É ele quem elabora dietas e faz controle de qualidade dos alimentos em restaurantes, escolas, empresas, hospitais e outras organizações, além de atuar nos setores de pesquisa e indústria de alimentos.

Apesar de ser uma profissão ainda recente, o nutricionista está cada vez mais requisitado e, desde 2005, a Universidade do Oeste de Santa Catarina, mantém em Videira, o curso de Nutrição, preparando profissionais para esse expansivo mercado de trabalho.

O​ curso de Nutrição da Unoesc tem duração de quatro anos e engloba todas as áreas de atuação do profissional. Há disciplinas do currículo básico da área médica, como fisiologia, anatomia e bioquímica e disciplinas teóricas e práticas sobre qualidade nutricional dos alimentos, educação e higiene alimentar e avaliação nutricional.

Mercado profissional

O profissional pode trabalhar no setor administrativo, elaborando cardápios e cuidando do controle nutricional, bem como, inspecionar o controle de qualidade, verificando processos e armazenamento dos alimentos, ou trabalhar também, em clínicas e hospitais, prescrevendo dietas e promovendo educação e reeducação alimentar.

São cada vez mais comuns, profissionais da nutrição dedicados à área esportiva, que trabalham diretamente com atletas ou prestam serviços à academias e centros de estética. Há também o personal diet, que vai até a casa do cliente orientando-o a comprar, armazenar, cozinhar e criar uma dieta personalizada ideal.

 Áreas em Evidência

Antes se tinha uma noção simplista sobre a área, de que alimentos poderiam ser divididos entre os que engordam e os que emagrecem. Hoje é diferente, pois é cada vez mais clara a noção de que Nutrição está ligada à Medicina. São os nutrientes que promoverão as atividades básicas do organismo e cuidarão de seus processos, como antioxidantes, anti-inflamatórias etc. Um problema de saúde pode ser prevenido e controlado com uma alimentação correta, não apenas com remédios.

Perfil profissional

Não há um único perfil de nutricionista. Cada área exige uma especialização. Alguém que está na indústria cuidando da qualidade dos alimentos servidos não é igual a quem programa uma dieta para um paciente, por exemplo. Assim, o profissional deve se especializar com cursos de especialização e pós-graduação após a faculdade.

Quem segue essa carreira gosta e entende bastante de Biologia e Química. Além disso, ser uma pessoa comunicativa é importante, pois o profissional lida com pessoas no dia a dia, em consultas, atendimentos, clínicas e empresas.

Comprometimento com o ser humano

Como toda profissão da área de saúde, é preciso comprometimento com as pessoas, querer ajudá-las e melhorar a qualidade de vida. Pensar sempre no benefício do outro exige dedicação e entrega.

— Nutrição é uma área em constante evolução, onde novos conhecimentos são desenvolvidos a todo o momento. Assim, estudar e se manter atualizado é essencial para o profissional, que deve acompanhar as novas concepções, práticas e diretrizes da profissão — afirma a professora Ana Paula Ariot​ti, coordenadora do curso de Nutrição da Unoesc.

 

Acadêmicas de Nutrição durante atividade do curso

 

Atividade realizada com os alunos do Colégio Superação

 

 

O nutricionista ajuda a manter práticas de alimentação saudáveis

Deixe seu comentário pelo Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar algumas tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>